Como o varejo da construção civil pode se adaptar ao novo consumidor?

4 May 2020

As normas de isolamento social impostas pelos governos devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19) transformaram o consumo no país. Neste novo mundo, onde o ser humano começa a entender mais sobre o que é essencial ou não, como comprar sem sair de casa e a usar melhor o seu tempo dentro de casa, o empresário precisa se adaptar para não ficar para trás.

A Montana Química, neste texto com dicas para enfrentar a pandemia, aborda como lojistas do segmento da construção civil podem transformar essa mudança no perfil do consumidor em faturamento para a sua empresa. 

Dados

Dados são essenciais neste momento. O empreendedor deve analisar a mudança no perfil do consumo de seus clientes de forma bem específica. Desde que você foi obrigado a fechar a loja ou a reduzir seu ritmo de atendimento, quais as diferenças você já notou em questões como número e perfil de clientes, produtos mais vendidos e alteração no estoque?

Dica: mantenha, mais do que nunca, atualizadas as suas plataformas ou programas de análise de dados de clientes. 

Hobbies se destacam

Mais gente dentro de casa é sinônimo de mais tempo para hobbies, entre eles os trabalhos manuais. O DIY (Do It Yourself, ou “faça você mesmo”) é um fenômeno par o qual os empreendedores do setor não podem fechar os olhos neste momento, uma vez que a procura por material para esses hobbies aumentou.

Dica: ofereça promoções de produtos ligados a várias áreas do DIY para captar o interesse de compra do consumidor

 

A força do virtual

A pandemia exigiu do consumidor um novo formato para a compra: o virtual. Pesquisas apontam crescimento do consumo pela internet na pandemia. E engana-se quem pensa que apenas o setor de alimentação tem se aproveitado disso. Outro erro comum é ater-se apenas a disponibilizar produtos em seu site. Utilize todas as ferramentas possíveis para ampliar sua divulgação via rede, como o WhatsApp e lives, que agora têm ganhado força.

Dica: Veja aqui dicas de gerenciamento de lojas virtuais e clique aqui para um tutorial sobre lives.

 

O que é importante

A pandemia também tem nos mostrado o que é essencial e o que é supérfluo. Não estamos mais usando tantas roupas e temos nos alimentado mais dentro de casa. Temos usado menos maquiagens e alugado mais filmes via streaming. Na construção civil, essa diferenciação também ocorre. Quais produtos a sua loja oferece que são considerados mais essenciais aos seus clientes? Por exemplo, se reformas podem esperar um pouco mais, manutenções de certa urgência, não.

Dica: Foque em produtos de manutenção, como os das áreas de marcenaria e hidráulica.

 

Mais família

Este tópico decorre do anterior. A pandemia e o distanciamento social têm nos mostrado o quanto podemos e devemos dar mais valor a quem amamos. Produtos relacionados à família, a crianças e ao feminino ganham destaque neste momento, uma vez que pais querem agradar aos filhos, e vice-versa. Isso também se reflete em experiências em família, como pintar uma parede ou envernizar uma mesa juntos.

Dica: Veja aqui um passo a passo que você pode oferecer ao seu cliente para envernizar uma madeira em casa. 

Menos experimentos

Em momentos de crise, o consumidor torna-se mais conservador. Ele experimenta menos e acaba confiando mais em produtos consolidados no mercado. Ao oferecer os seus produtos aos clientes, lembre-se disso. Apostar no que funciona, agora, é mais importante do que ser inovador.

Dica: Detecte, no seu estoque, produtos já testados no mercado e priorize-os na hora da venda. Saiba quais produtos e empresas figuram entre os maiores players do setor.

Se tiver dúvidas, entrem em contato com a gente!

blog comments powered by Disqus