Pintura em madeira na Colômbia

5 Mar 2018

Profissionais da Montana Química e da filial colombiana da empresa vão a Medellín e Bogotá, para realizar treinamentos compartilhados em lojas de tintas.

Durante duas semanas, no final do ano passado, o supervisor de Exportação, Adolfo Pessoa, e o técnico da divisão Revenda, Marcelo Souza, juntamente com a equipe da Filial Colômbia da Montana Química, fizeram treinamentos e apresentações de produtos em várias lojas de tintas em Medellín e Bogotá. Adolfo informou que as ações visaram tanto os balconistas, proprietários e gerentes de lojas, como conhecimento técnico sobre os produtos e foco em argumentos de vendas, assim como os consumidores finais mais voltados à parte prática e técnicas de aplicação.

Em cidades colombianas visitadas pela equipe Montana, realizaram-se ‘Dias Técnicos’ com grande aceitação dos participantes, segundo Adolfo. “Desenvolvemos esses eventos na própria loja, atendendo simultaneamente consumidores finais e profissionais do balcão de vendas. O objetivo foi atrair o público com ações práticas e demonstrações de produtos, que duravam entre duas e três horas. O público pode assistir, perguntar e, se quisesse, fazer a aplicação dos produtos.”

Sistema de pintura – Adolfo explicou, que na Colômbia foi implementado o ‘Sistema Monsa de Recuperação, Acabamento e Manutenção de Madeira’. “Para isso, foi feito treinamento para a utilização de produtos da linha ‘Deck,’ para recuperação da madeira, de ‘Mazza’, sempre que houver necessidade de regularização da superfície, do verniz ‘Isolare,’ quando se tratar de madeira resinosa, e acabamento com ‘Osmocolor Stain’, para preservação e beleza das peças, realçando os veios naturais da madeira. São soluções que levam a marca Monsa para tratamento e pintura de madeira, tornando o trabalho mais prático e econômico. Também pelo aspecto da praticidade, apresentamos o hidrofugante ‘Koromix’, que protege superfícies de tijolos, telhas e pedras porosas das infiltrações.”

Ações de treinamento que compartilham experiências técnicas deverão realizar-se com mais regularidade no mercado colombiano. “Deveremos promover ações de divulgação e prática em ‘Dias Técnicos’ e, também, em eventos especiais como fazemos no Brasil. Os produtos Monsa tiveram boa receptividade entre os colombianos por facilitarem a recuperação de madeiras envelhecidas ou acinzentadas, dando-lhes um aspecto renovado e que dura por muito mais tempo. Isto também é economia.”

blog comments powered by Disqus